Nampula vai ter Estação de Tratamento de Águas Residuais

0
113
O concelho autarquico de Nampula quer tratar aguas residuais para melhoramento a qualidade de vida dos municipes

Nampula (IKWELI) – No âmbito da elaboração do ante-projecto da postura municipal de Saneamento e Drenagem, o concelho autárquico de Nampula, maior e mais importante centro urbano do norte do país, prevê a construção de uma Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR).

As águas residuais têm constituído um problema para os moradores locais, as quais, muitas vezes, contribuem para a ocorrência de erosão, o que periga a vida dos citadinos.

Recentemente, uma equipa multi-sectorial visitou o local onde será erguida a infra-estrutura, no bairro de Muahivire Expansão, a qual deverá contribuir no melhoramento do sistema de saneamento e drenagem da autarquia, e quiçá melhorar a qualidade de vida dos moradores locais.

Ao todo, a ETAR vai ocupar uma extensão de oito hectares, envolvendo as unidades residenciais de Chinaia, Siquia e Namiteca e o projecto será conduzido pela Empresa Municipalizada de Saneamento de Nampula (EMUSANA) e a Direcção de Água e Saneamento do Meio (DIMAE).

Ainda neste contexto, quadros da autarquia beneficiaram de uma capacitação promovida pela Autoridade Reguladora de Água, no âmbito do esforço da instituição para a familiarização de aspectos ligados a dados de regulação do sector.

Segundo apurou o Ikweli, “a ideia é dotar aos técnicos em matérias de operacionalização do quadro regulatório e contribuir na obtenção de conhecimentos detalhados dos serviços e das infra-estruturas, apoiar o preenchimento dos dados a constar no quadro regulatório e ainda contribuir para que a entidade gestora consiga identificar as principais lacunas relativas a recolha e tratamento de dados necessários a regulação dos serviços de saneamento e desenvolver um plano de acção com actividades conducentes a melhoria do reporte de informação ao regulador”. (Aunício da Silva)