Militar superior recém – graduado morre vítima de descarga atmosférica

0
3013

Nampula (IKWELI) – Um jovem de 28 anos de idade, recentemente graduado pela Academia Militar Samora Machel, morreu vítima de descargas atmosféricas recentemente ocorridas na cidade de Nampula, concretamente no bairro de Muahivire.

O trágico incidente ocorreu na última quinta-feira (12), e o jovem militar encontrava-se no interior da residência dos seus pais quando chuvas fortes acompanhadas com ventos e trovoadas invadiram a palhota.

“É destino de Deus. Não temos mais o que fazer, senão aceitar esta dura realidade”, disse Muilepa André, pai do malogrado, em entrevista ao Ikweli, para depois avançar que “o meu filho graduou, recentemente, na Academia Militar, e por pensar isso fico muito sentido. Ele seria o primeiro a trabalhar de entre todos os meus filhos. Assim, o sonho de formar os seus irmãos já foi água a baixo. Eu sou um reformado do Ministério da Defesa, quase que não ganho nada. Não sei onde e como conseguir ajuda para formar os meus filhos”.

Ana Castro de Almeida, mãe do finado, inconsolável depois do sucedido, perdeu os sentidos e prontamente foi socorrido para a maior unidade sanitária da região norte de Moçambique, Hospital Central de Nampula (HCN), para receber tratamentos médicos.

Os moradores da unidade comunal de Maparra estão indignados com o incidente e vão mais longe ao afirmar que a morte pode ser aliada a magia negra. “Não se justifica que um jovem que graduou há pouco tempo ter que perder a vida desse jeito”, escuta-se nas conversas de esquina no bairro do malogrado. (Celestino Manuel)